,

Síndrome da Amnésia Glútea


17 • 10 • 2018
por Equipe Pink Fit

Oi meninas, tudo bem com vocês?

Muitas pessoas sofrem de dores no joelho ou lombar e nem sequer relacionam estas lesões com a musculatura glútea. Ou não conseguem ativar/ sentir o glúteo em determinados exercício de membros inferiores e esteticamente não possuem um glúteo aparentemente bonito.

Tudo isso pode ser resultado de uma síndrome chamada de amnésia glútea em que os músculos estão fracos, principalmente pelo estilo de vida inativo e a falta de consciência corporal que causam retardo ou inativação da musculatura do glúteo por inibição de conexões neuromuscular adequadas que acabam causando padrões compensatórios.

A região glútea é formada pelo glúteo máximo, médio e mínimo, que são complementares entre si. O glúteo máximo reveste os músculos mínimos e máximos, é responsável principalmente pela extensão, abdução e rotação externa de quadril. O glúteo médio é um músculo muito importante para estabilização dos membros inferiores por sua ação anti-abdução do fêmur e abdução de quadril. E o glúteo minimo que age na abdução de quadril também é o maior rotador interno de fêmur

Os problemas mais aparente da amnésia glútea são:

⭐encurtamento dos músculos do quadríceps, psoas, tensor da fáscia lata, bíceps femoral e gastrocnêmio.

⭐fraqueza dos músculos glúteo médio, piriforme, semitendinoso, reto abdominal e oblíquos abdominais.

⭐falta de alinhamento do pé, joelhos e quadril, que causam dificuldade de estabilização de quadril e instabilidade principalmente em movimentos unipodais, trazendo maiores risco de lesões

⭐Trigger points

⭐Fechamento de cadeias

⭐Dor joelho, porque a amnésia glútea causa rotação interna excessiva, pressão na patela, joelho valgo e pé em pronação

⭐Dor lombar, principalmente porque a fraqueza do glúteo torna os isquiotibiais dominantes na extensão de quadril e ilipsoas mais fortes e acabam fazendo uma translação anterior do fêmur no acetábulo.

Através de um treinamento é possível evitar possíveis lesões e/ou alterações posturais com treinos de coordenação, consciência corporal, mobilidade e estabilidade das articulações do corpo, alongamento de musculatura, liberação de cadeias tensas e fortalecimento para melhorar os déficits de instabilidade postural e muscular.

Nós, da Pink Fit Training,  desenvolvemos treinos em que você ativa de forma adequada seu glúteo para que você tenha a sua melhor versão e, ainda, realize um treino muito muito mais eficaz e com resultados garantidos em termos estéticos e biomecânico.

Contem conosco!

Beijos

Equipe Pink Fit

Contato @pinkfittraining | www.pinkfit.com.br | contato@pinkfit.com.br| Tel.: (11) 98274-3422

,

Perder peso é diferente de emagrecer


16 • 07 • 2018
por Equipe Pink Fit

Oi meninas, tudo bem?
Falarei hoje sobre um tema que sempre causa dúvida: “Perder peso é diferente de emagrecer”. Essa frase pode parecer estranha, mas na realidade ela reflete o fato que diminuir ou aumentar o peso na balança não condiz com a realidade apresentada. Isso porque o volume do tecido muscular é menor e ocupa menos espaço no seu corpo,se comparado a mesma quantidade de tecido adiposo. A massa muscular é mais compacta, mais rígida, acelera seu metabolismo e, assim, as medidas do seu corpo ficam menores e, no espelho, o resultado é totalmente diferente.

Emagrecer é um processo e quanto mais constante for em seu estilo de vida, maiores são as chance de alcançar seus objetivos e mantê-los por um longo período. A meta é emagrecer reduzindo massa gorda e manter esse novo percentual por mais tempo possível. E para isso você deve ficar atenta(o) com os seguintes pontos:

  1. Ansiedade e estresse ⁃ estar em constante pressão psicológica prejudica nosso organismo, pois os níveis hormonais como o cortisol em excesso simulam uma situação de combate e fuga o tempo todo e acabam aumentando nossa pressão arterial. Os reservatórios de açúcar e gordura ficam circulante em nosso organismo e são mais facilmente estocados, já que nosso corpo entende que a todo momento há uma situação de “perigo”, aumentando o desejo intenso por doces, carboidratos e gorduras.
  2. Dormir pouco ⁃ dormir pouco causa estresse e influencia negativamente nosso apetite e saciedade, aumentando a ingestão de alimentos  Sem falar que ao ficar mais tempo acordado, maior será o cansaço e menor a sua disposição para treinos. E as chances de se comer fora do horário recomendado são maiores.
  3. Não se alimentar corretamente ⁃ muito açúcar, gordura, bebidas alcoólicas e excesso de sal são os grandes vilões para o emagrecimento. O ideal é ter bom senso na hora de utilizá-los.  Ou o contrário, dieta restritiva demais que causa o chamado evento sanfona, no qual a longo prazo, desacelera o metabolismo, causa ansiedade e aumenta a compulsão por comida, fazendo com que o peso perdido seja recuperado ou engorde mais que antes dessa dieta. Não comer verduras, legumes, frutas e fibras que regulam a sua flora intestinal também é um fator que merce atenção..
  4. Beber pouca água  ⁃ beber água é fundamental para prevenir formação de pedras nos rins e prisão de ventre, que causam estofamento da região abdominal. 70% do nosso corpo é composto por água, com um papel importante para funcionamento dos músculos, transporte de nutrientes, excreção de substancias.
  5. Não praticar exercícios de forma constante em quantidades e intensidades adequadas.- aumentar as atividades físicas aumenta a massa magra e reduz a quantidade de gordura do corpo, acelerando o metabolismo basal, aumentando o gasto energético e proporcionando um gasto calórico negativo. Não menos importante, a atividade física previne diversas doenças como hiperlipidemia, diabetes tipo 2, osteoporose, alguns tipos de câncer, síndrome metabólica, obesidade e as relacionadas doenças coronarianas como hipertensão arterial, acidente vascular cerebral (AVC), arritmias e anginas. Diminuem estresse e os níveis de cortisol do item 1, além de regular melhor nossos níveis hormonais, até mesmo relacionados ao ciclo menstrual.. Ser fisicamente ativo, ainda melhora a qualidade do sono citado no item 2. Aqueles que são ativos fisicamente tendem a adotar hábitos mais saudáveis ao se alimentar (item 3).  Com atividade física, menor será a retenção hídrica e, se você se hidratar adequadamente, terá um funcionamento melhor do teu corpo como mencionado no item 4.

Por todos estes motivos, não podemos nos limitar apenas a diminuir peso na balança. O estilo de vida mais saudável traz outros benefícios. Além do que, é preciso ter outras formas complementares de mensurar o emagrecimento, como as circunferência, dobras cutânea, bioimpedância, entre outros métodos que os diferentes profissionais da saúde podem te avaliar e desenvolver seu caso.

Com relação à prática da atividade física, o acompanhamento de um profissional de educação física é muito importante porque evita o efeito sanfona e os resultados são mais garantidos por contar da sua interface com outros fatores que influenciam no processo de emagrecimento.

Nós, da Pink Fit Training, queremos te ajudar a emagrecer com saúde e qualidade de vida, com resultados abrangentes e mais eficientes.

Contem conosco!

Beijos

Equipe Pink Fit

Contato @pinkfittraining | www.pinkfit.com.br | contato@pinkfit.com.br| Tel.: (11) 98274-3422

,

Atividade física e controle de lipídios (hiperlipidemia)


04 • 06 • 2018
por Equipe Pink Fit

Oi meninas, tudo bem?

Na coluna de hoje abordaremos os lipídios, gorduras importantes para um bom funcionamento do nosso organismo. Eles são responsáveis pelo armazenamento de energia, isolamento corporal, manutenção dos ácidos biliares, produção de hormônios esteroides, estão nas membranas celulares e regulam nosso metabolismo. Porém, seus excessos podem predispor doenças cardiovasculares, diabetes, insuficiência renal, hipotireoidismo, obstrução biliar e doenças renais.

Por isso, cuidado, esse excesso, pode ser causado pelo volume alto de gordura e carboidratos ingeridos na alimentação, além do peso alto e da falta de atividade física. Isto porque são os lipídios que transportam e estocam as gorduras no nosso corpo e seu excesso é chamado de hiperlipidemia, que é caracterizada como o aumento crônico, em jejum, dos níveis de triglicérides, como o LDL (>160 mg.dl-1), VLDL (>30 mg.dl-1), colesterol (>200 mg.dl-1) ou subfrações ou pela diminuição de HDL (<50 mg.dl-1), que são diagnosticado por exames clínicos de amostras sanguíneas.

Dentro deste contexto, o exercício físico melhora as concentrações de HDL, que são os responsáveis por utilizar e retirar a gordura do nosso corpo, tendo como função a fonte de energia. Aqueles que praticam exercícios tem os níveis de HDL até 59% melhores que os sedentários. Também há outros benefícios como diminuição da pressão arterial, controle da glicose e melhora da função cardiovascular.

Já os níveis de LDL e colesterol, as reduções são válidas, mas em menores concentrações comparado ao HDL A recomendação do Colégio Americano de Medicina do Esporte é que se pratique mais de 300 minutos de atividade física moderada por semana e/ou 150 minutos para vigoroso índice alcançado.

O foco dos exercícios deve ser voltado para um maior volume em comparação a intensidade. Porque se demonstra que há mudanças favoráveis nas partículas de LDL e nas concentrações de HDL e triglicérides em quem corre em média 32 km por semana , se comparado aqueles que correm 19 km, sendo que as alterações de lipídios se normalizam após um ou três dias depois da sessão física. Por isso, é indicado pelo menos três dias com exercícios que exercitem os principais grupos musculares, já que após 48 a 72 horas, o efeito do exercício desaparece. Portanto, o melhor é repetir regularmente o exercício e de forma contínua..

Se você se preocupa com a sua saúde, saiba que o exercício físico pode ser um ótimo aliado para combater a hiperlipidemia, pois a redução de 1 mmol.L de colesterol total e de LDL diminuem as chances de mortalidade por doenças coronarianas em até  29,5% e 26,6%  vezes, respectivamente.

Nós, da Pink Fit, estamos dispostas a te atender para lidar com este tipo de caso e preveni-lo contribuindo para modificar seu estilo de vida e torná-la mais saudável.

Beijos

Equipe Pink Fit

Contato @pinkfittraining | www.pinkfit.com.br | contato@pinkfit.com.br| Tel.: (11) 98274-3422

página 1 de 3