,

O cuidado com o cantinho pet | Parte I


21 • 01 • 2019
por Carol Rosa

Oi meninas, tudo bem?

Gente, o ano novo chegou e eu quero aproveitar para falar de um tema que eu nunca abordei aqui: o cantinho pet! Sim, porque se é agora que todo mundo tenta colocar a casa em ordem, não se pode esquecer que o lugar onde fica o nosso animal de estimação também requer cuidado.

Convenhamos: hoje em dia quase todo mundo tem um bichinho em casa. Eu mesma tenho o meu, um cachorro da raça pug, o Zeca. E agora não é mais como antes, que tínhamos o animal, a caminha, o potinho da ração e fim. Hoje em dia existe uma gama de produtos para eles, que são considerados filhos em muitas famílias (na minha, por exemplo). Por isso, é preciso dedicar uma atenção especial ao lugar em que eles ficam.

Vamos começar pela ração e aqueles sacos grandes que costumamos pegar para não ter que ficar toda hora indo às compras. A questão é: onde guardar um pacote de 15, 20 quilos de ração? A minha sugestão é ter uma caixa contêiner e um pote hermético menor, que será usado para repor a ração no dia a dia.

Depois de aberto, o saco de ração deve ser colocado nessa caixa grande. Mas atenção: um erro comum é despejar tudo direto no recipiente. Não é o ideal! O correto é deixar a ração no saco original e ele sim ser colocado na caixa. Isso porque a ração em contato com o plástico, no calor, pode acabar mofando ou estragando. É importante lembrar que esses sacos em que o produto vem já são adequados para manter a qualidade e a durabilidade do alimento.

Já no pote menor dá para despejar toda a ração do dia. Como ele não comporta uma grande quantidade, será usado com frequência e, assim, o alimento irá permanecer por pouco tempo. Só uma dica aqui: um cuidado importante é só repor quando tiver terminado tudo ou você terá sempre uma ração mais velha no fundo.

Os comedouros e bebedouros devem ser lavados diariamente. A minha sugestão é usar potes de louça ou de metal, já que a durabilidade desses materiais é maior. Para higienizá-los, a dica é fácil: lave com água e detergente. Só cuidado porque é preciso ter uma esponja só para essa higienização, que não deve ser a mesma usada para lavar a louça da família. Vale identificá-la de alguma forma, para não se confundir.

Depois da ração, acho que o mais importante é a higiene. Deixe um cestinho com os itens de higiene do dia a dia, como lenço umedecido e escovinha, já separados. Isso facilita muito quando o cachorro chega da rua. Vale também separar uma esponjinha para o uso do seu bichinho. Aí dá para limpar as patas quando ele for entrar em casa. Só tem que tomar cuidado para não misturar com outros produtos usados na limpeza da residência. Por isso, o ideal é escrever o nome do animal de estimação na esponja com uma canetinha porosa.

Outra pergunta que muita gente me faz é com relação à caminha. O recomendável é aspirá-la com frequência, de preferência em dias alternados. Isso é importante para retirar o pelo acumulado. Se estiver suja, pode passar um pano úmido. E aconselho ainda que seja lavada pelo menos uma vez por mês. Se o seu animal for daqueles que não destrói a caminha, a minha dica é trocá-la anualmente. Caso contrário, a mudança terá que ser mais frequente.

Bom, já falei um monte de coisa e ainda faltam os acessórios, as roupinhas, os brinquedos, documentos… No mês que vem continuo, então, nesse assunto que rende bastante e sei que interessa a muita gente.

Espero que gostem e aproveito para desejar um 2019 lindo a todos nós!

Até a próxima coluna!

Beijos,

Carol Rosa/ Personal Organizer

carol@carolrosa.com.br

11 96060 6056

www.carolrosa.com.br

,

Casa nova no ano novo | A decoração através da organização


17 • 12 • 2018
por Carol Rosa

Oi meninas, tudo bem?

Chegamos à última coluna do ano! E o que falar para vocês a tão poucos dias do fim de 2018?

Primeiro agradecer à Lala Rudge pelo espaço e a vocês por me acompanharem durante os últimos 12 meses. Foi uma delícia! Agora, depois de tantas dicas de organização, desta vez vou falar de decoração! Afinal, é possível decorar através da organização. E eu sei que muita gente gostaria de dar um up na casa para a chegada de 2019 ou para as festas de fim de ano. Por isso, vamos ver se consigo ajudar…

São muitos os itens que temos em casa que podem contribuir para colocar as coisas em ordem e ainda dar um ar mais elegante ao espaço. Vamos começar, então, com a sala

Na sala, temos os livros e as almofadas que, dependendo da disposição, podem ajudar ou atrapalhar nos dois quesitos: decoração e organização. Quer um ar novo no espaço? Tente mudar a disposição dos objetos. Os livros em pé, por exemplo, em uma prateleira, podem ir para a mesa de centro ou vice-versa.

Uma outra dica bacana é apostar em um revisteiro bonito ou até em uma cesta que possa ser usada como tal. Um pequeno detalhe na decoração faz toda a diferença.

Vale também pensar em mudar as coisas de lugar. Experimente colocar o sofá em outro canto, a mesa no lado oposto, enfim…

No quarto, pra deixar a cama com aquele aspecto de capa de revista, a dica é apostar nos travesseiros. Vale ter um par extra, deixando quatro, no total. Nem precisa gastar muito pra isso. Não precisam ser travesseiros de altíssima qualidade. A ideia é apenas deixar para encosto e decoração. Eles dão um ar de aconchego e deixam a cama visualmente bem bonita.

Outra dica, para quem está com os sapatos amontoados na sapateira, é pegar um cesto bonito para deixar no canto do closet ou perto do armário com os chinelos dentro, por exemplo. Você organiza os calçados e ainda usa o cesto para a decoração.

Já no quarto das crianças, é possível aproveitar os próprios brinquedos para deixar o cômodo com uma aparência melhor. Dá para pegar as bonecas ou os carrinhos em melhor estado para acomodar nas prateleiras. Fica visualmente interessante e, o melhor, bem prático para brincar.

No banheiro, sugiro aproveitar copos bonitos para colocar pincel de maquiagem, por exemplo. Podem ser até aquele taça de cristal que ficou sem par.  Muita gente tende a guardar em gaveta ou caixa organizadora, mas isso impede que os pinceis respirem. E deixá-los expostos dessa maneira dá um novo ar ao ambiente.

Outra dica para esse cômodo é escolher uma bandeja para deixar sobre a pia ou bancada. Nela, você pode colocar os objetos de uso diário: sabonete líquido, pote com algodão e cotonete, hidratantes, etc… Se você caprichar no visual da bandeja, garanto que além do ar organizado, vai ficar super charmoso.

Enfim, se pararmos para pensar, acharemos um monte de solução caseira para dar um ar novo à casa velha. Basta colocar a imaginação para funcionar! E é isso que desejo a todos vocês neste fim de ano: que criem, ousem, inventem! Aproveitem muito as festas, da melhor forma possível! Até 2019!

Beijos,

Carol Rosa/ Personal Organizer

carol@carolrosa.com.br

11 96060 6056

www.carolrosa.com.br

,

Geladeira Na Mira Da Organização


12 • 11 • 2018
por Carol Rosa

Olá meninas, como vocês estão?

Como eu tinha prometido na coluna anterior, neste mês vou seguir com mais dicas de consumo consciente e redução do desperdício. Depois que vocês aprenderam a organizar a despensa, chegou a vez de colocar ordem na geladeira. Sabiam que 33% de toda a comida produzida no mundo vai parar no lixo? Mas podemos transformar essa realidade mudando pequenos hábitos dentro das nossas próprias casas. Então, anotem as dicas!

As geladeiras modernas já são projetadas para que cada tipo de alimento seja guardado no local adequado. Isso preserva a comida por mais tempo e evita que estrague antes da hora. As gavetas devem ser reservadas para verduras, legumes e frutas. Uma dica importante é sempre higienizá-los antes de colocá-los na geladeira. Depois de lavar as verduras, passe pela centrífuga e guarde em sacos bem fechados. É o que ajuda na conservação por mais tempo. As frutas, após higienizadas, também podem ser colocadas em potes plásticos com tampa ou vasilhas de inox cobertas com papel filme. Na prateleira mais alta da geladeira, dê preferência aos produtos que você usa com mais frequência e também às carnes e aos laticínios. Como é a parte mais fria, priorize sempre os alimentos que sofrem mais com a mudança de temperatura. Já na segunda estante e na terceira, você pode colocar os produtos industrializados ou prontos, como legumes cozidos e as sobras de alimentos. Agora, para evitar que aquela sobra fique ali, esquecida na geladeira e acabe estragando, recomendo sempre usar potes transparentes ou de vidros para armazená-las. Assim, você sabe exatamente o alimento que tem dentro e a quantidade. Garanto que o reaproveitamento ficará mais fácil.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Outra dica: preste atenção à organização dos produtos em cada prateleira. Tente categorizá-los o máximo possível e deixá-los lado a lado. Por exemplo, separe os itens do café da manhã: requeijão, queijo, manteiga, etc., mantendo sempre um próximo ao outro. Lembre-se: deixe os produtos mais altos ao fundo e os mais baixos à frente, ou aquele potinho pequeno não vai ser visto e vai acabar esquecido.

 Na porta da geladeira, sempre priorize os alimentos que tombam. Na prateleira menor, vale acomodar iogurte, um item já aberto, molhos, catchup, mostarda… Já na parte inferior e mais alta, opte por jarras de água, refrigerantes, sucos e leites.

Essa organização vai te ajudar a saber exatamente o que tem na geladeira e os itens que já estão lá há mais tempo – e que, então, devem ser consumidos primeiro. Você ainda vai economizar um tempão na hora de fazer a lista de compras. Chega de desperdício!

Nos vemos no próximo mês com mais dicas!

Até lá e boa organização!

Carol Rosa/ Personal Organizer

carol@carolrosa.com.br

11 96060 6056

www.carolrosa.com.br

página 1 de 7