,

Qual é o primeiro amor que nos “alimenta”? O próprio!


29 • 12 • 2017
por Janaína Leão

Olá meninas!

Qual é o primeiro amor que nos “alimenta”? O próprio!

Vamos quebrar regras e ao invés de falar de objetivos para o próximo ano, vamos conversar sobre amor e equilíbrio?

Criar objetivos eu acredito que a maioria das pessoas já sabe e para aquelas que ainda têm dúvidas, podem ler os diversos textos que já escrevi para o blog sobre a temática. A distância que existe entre criar um objetivo e executá-lo em constância é uma das maiores dificuldades. Por que paramos na metade do caminho? Além das crenças irracionais – pensamentos e comportamentos autossabotadores, o que mais acontece?

Quando criamos alguma coisa precisamos desenvolver afeição, cuidado, interesse e, na sequência, amor. Se criarmos algo que não faz sentido, a tendência a não dar continuidade é altíssima, surgindo irritabilidade, cansaço, descaso e muitos questionamentos até chegar na desistência.

Não adianta exigir de si mesmo objetivos se você não tem claro aonde quer chegar, o que gosta, o que não gosta, o que ama, o que não tolera ou ainda seguir porque lhe falaram ou porque está em “alta”. Na vida, devemos buscar aquilo que faz sentido, que faz você trabalhar de forma leve, feliz e satisfeita. {claro que todo trabalho cansa e dependendo da intensidade gera stress e isso não significa que você não o ama.} Ah! Isso é utopia? Será? Na minha opinião, utopia é você acreditar que deve seguir um padrão independente do seu desejo. Utopia é criar um distanciamento entre você e a realidade que você criou para mascarar o que deve ser feito. Bem, se você já passou por isso, sabe que um dia a conta vem e com “juros”.

Lembram que eu falei como conversaríamos sobre amor e equilíbrio? Quando falo em amorprimeiro de todos é o próprio – está ligado ao autocuidado, autoproteção e autoconhecimento. É uma conversa interna que ao invés de se vitimizar, você se acolhe e trabalha todos os pontos que está insatisfeito. Amor próprio é estabelecer limites, evitar a submissão, é ter voz ativa, se posicionar, cuidar daquilo que faz sentido – independente do que o outro acha que você deveria fazer – afinal, ninguém melhor que você sabe das suas reais necessidades. Mas isso é ser egoísta? Não, egoísmo é um amor exagerado (exclusivismo) pelos próprios interesses e que despreza as necessidades alheias.

Aumentar o amor próprio fará com que você sinta o amor pelas suas escolhas e pelos outros. Não adianta reclamarmos do amor, ele é um sentimento sentido e aprendido ao longo da vida. Cada pessoa tem a sua forma de amar – seu jeito de demonstrar e o necessário é sentir o amor.

O amor nos conecta conosco, com nossos objetivos, minimiza as procrastinações, uma vez que decido, sei onde quero chegar e busco recursos para tal. Os obstáculos são enfrentados e não somatizados. As crenças irracionais são trabalhadas. Competências comportamentais desenvolvidas e a cada dia mais próximo daquilo que faz sentido – seus objetivos.

O amor nos conecta com a natureza, com pessoas, animais e com a vida. O amor transforma, aproxima, protege, admira e não sufoca.

Já o equilíbrio acontece quando temos claro o que queremos e o que estamos fazendo para atingi-los. O equilíbrio é um processo de maturidade e tem muito a ver com cautela, constância e foco. Quantas vezes você já desistiu de algo porque o “tempo mental” que você criou ficava muito aquém do “tempo real”? Desistimos por falta de paciência, por não querer enfrentar as dificuldades e por acreditar que os resultados devem ser rápidos. Quando olhamos para os resultados das pessoas que admiramos, em muitos casos fazemos a leitura de que foi rápido, todavia, na maioria das vezes, ninguém acompanha o processo, as noites em claro, o tempo de estudo e muita dedicação. É fácil olhar os resultados alheios e julgar.

Por fim, mas não o fim e sim o inicio, antes de criar seus objetivos sinta o amor (consigo, pessoas, coisas e processos) e perceba a sua “vibração” e o quanto você está preparada para criá-los. Criar só por criar você já deve ter feito – se for para criar que seja para seguir e não precisa ser apenas no final do ano. Afinal a sua vida acontece nos 364 ou 365 dias do ano e todo dia é um novo dia!

Meu desejo é que o novo ano lhe traga como base o amor e que você possa senti-lo na sua essência. Ótimas festas e comemorações! Gratidão por mais um ano de troca, reflexão e aprendizado!

Estamos juntas!

Um beijo!

Janaína Leão: Psicóloga e Coach

@psicologa_coach  |    janaina@janainaleao.com.br     |    www.janainaleao.com.br

,

Cinco Penteados Fáceis Para As Festas De Final De Ano


21 • 12 • 2017
por Renata Souza

Oi, meninas! Tudo bem?

Hoje o post será um pouquinho diferente do que vocês estão acostumadas, porque tenho um convidado especial: o beauty artist Eliezer Lopes.

Contando um pouco da nossa história, conheço essa pessoa e profissional incrível há anos. Mas, em junho desse ano, na festa de aniversário das minhas queridas Isabella Fiorentino e Fernanda Motta, convidei-o para ter um espaço no SpaDios e trazer toda sua expertise para cuidar das nossas clientes como nosso Make Up Artist. E não é que deu super certo?  

Foto: Eli Lopes e eu

E como sabemos que vocês estão super ansiosas para as comemorações de Natal e Ano Novo, já que nessa época surgem muitos compromissos, desde confraternizações no trabalho até festas com amigos e família, eu e o querido Eli nos unimos para trazer dicas e truques super práticos de penteados para vocês! Preparadas?

Coque alto

Foto: Isabella Santoni

Se a ocasião pede um look mais elegante, aposte no coque alto. “No caso da Isabella Santoni , gosto muito de optar por esse penteado devido ao comprimento dos fios. Como é um cabelo mais curto, faço um coque acima da altura da orelha, deixando mesmo com esse aspecto mais “bagunçado” e modelo a franja para dar um contorno para o rosto”, comenta Eli.

Ondulado natural

Foto: Maria Rudge

Para ocasiões especiais, nada como o tradicional cabelo ondulado! Mas vocês sabem que não gosto do uso em excesso de chapinha e secador, não é mesmo? Então, por favor, cuidem desses fios!!! Para isso, pedi uma dica do Eli e olha só que fácil fazer:

1.     Lave os cabelos normalmente e não seque os fios após o banho;

2.     Divida o cabelo ao meio e faça um coque de cada lado;

3.     Passe levemente o secador morno (alterne entre morno e quente, se necessário), numa distância de 10 cm sob todo o cabelo;

4.     Enquanto isso, faça a sua make, monte seu look e somente depois, próximo ao horário do evento, solte os cabelos;

5.     Pronto! Seus cabelos ficarão com um ondulado natural, sem precisar usar muito secador ou chapinha para modelá-los.

Ah! E se vocês gostam de volume na franja, minha dica é envolver as mechas que desejar em um bob de velcro. Depois quando soltar os coques, solte a franja também e arrase!

Efeito molhado

Foto: Didi Wagner

“O cabelo efeito molhado é um sucesso da moda internacional e vem caindo no gosto das brasileiras modernas e ousadas. Seja com coque, solto ou rabo de cavalo, o penteado dá um up no visual”, conta Eli.

Mas como queremos que nossos cabelos continuem saudáveis, utilizem o gel com moderação. Que tal passar o PP Cream SpaDios antes para proteger os fios? Em seguida, aplique o gel com cuidado para não quebrá-los e, de preferência, modele com um pente de madeira para evitar o frizz.

Trança lateral

Foto: Lala Rudge 

Trança combina com verão, não acham? Olha como ficou delicada essa trança da Lala com uma make mais rosada e nude! Ótima ideia para ocasiões e compromissos durante o dia.

A dica é apostar numa trança lateral levemente embutida. Comece um pouquinho acima da altura da orelha e finalize com algumas mechas soltas na franja para dar um efeito mais descontraído.

Rabo de cavalo

Foto: Thassia Naves 

Seja na praia ou no campo, o calor sempre pede um rabo de cavalo em algum momento! Para fugir do tradicional, deixe uma mecha solta, prenda as madeixas acima da altura da orelha e envolva essa mecha que separou no rabo. Olha só que lindo esse da Thassia, super leve e delicado!

E aí, gostaram das dicas? Contem para a gente o que acharam e se já escolheram o seu penteado para arrasar nas comemorações de final de ano!

Tenham um ótimo Natal e um 2018 ainda mais lindo!

Beijos,
Rê Souza e Eliezer

Siga no Instagram:
@resouza e @eliezerlopes

Eliezer Lopes atende no SpaDios Itaim/SP às quintas, sextas e sábados, das 10h às 19h.

SpaDios
(11) 3079-9333
Rua Adolfo Tabacow, 173 – Itaim Bibi
www.spadios.com.br

Minha mesa de Natal com Theodora Home


20 • 12 • 2017
por Maria Rudge

Oi Meninas,

Tudo bem?

Fiz um jantar antecipado de Natal na minha casa com a Theodora Home e quis vir compartilhar com vocês porque ficou lindo demais e muito a minha cara.

A inspiração desse ano foi um mix incrível de cores (rosa e vinho) pela Verbena Flores.

Eles misturaram as cores das flores na cor dos pratos, que são Richard Ginori para Theodora Home, detalhe: todos eles são pintados à mão; maravilhoso né?

Escolhi cores que remetessem bastante ao Natal, e que puxassem ao máximo para o colorido da fruta romã, que daria o tom Natalino.

As romãs foram usadas no arranjo de centro, a entre os arranjos usamos figos, cerejas e uvas.

E, para finalizar, os guardanapos bordados com a minha inicial e a do Otávio.

Selecionei algumas fotos para vocês se inspirarem:

 

Espero que tenham gostado!

Beijos e bom final de ano,

Maria.

página 3 de 1234