Todos os artigos por Clarissa Rittes

,

Dermocosméticos


16 • 09 • 2015
por Clarissa Rittes

Olá meninas!

No texto de hoje, vou contar para vocês sobre o jantar realizado ontem pela Dior aqui em São Paulo, para apresentar sua história em dermocosméticos para dermatologistas selecionados.

Christian Dior era apaixonado por beleza, perfumes e flores. Por isso, escolheu jardins espalhados pelo mundo, em lugares com condições de solo adequado, para a produção de flores com ativos específicos para pele. Além disso, o grupo investiu em laboratórios tecnológicos e pesquisa científica para o desenvolvimento de produtos a partir desses extratos, entendendo a fisiologia da pele e suas necessidades.

12033736_10153631608598252_695556078_n

Desde 1998 os pesquisadores Dior exploram as Aquaporinas (canais de hidratação entre as células). Mas foi em 2003, que elas foram descobertas na pele, o que consagrou o projeto como vencedor do Prêmio Nobel de Química.

A partir dessas descobertas, foi desenvolvida uma linha de hidratação com extratos florais dos jardins, que atingem e estimulam a Aquaporina 3 (presente na epiderme) e a Aquaporina 9, (localizada na área mais superficial da epiderme, facilitando o suprimento da água em todos os níveis epidérmicos). Essa hidratação garante um aspecto bonito da pele, com menos linhas e mais saúde. Não me canso de falar sobre o quão importante é para a saúde e beleza!

Após 15 anos de pesquisa, o instituto Dior de ciência publicou 27 artigos sobre aquaporinas e hidratação, e possui 2 patentes de ingredientes ativos que estimulam esses canais, também relacionados a juventude.

A linha hydra life, especial para hidratação de peles jovens contém um sérum formado por Jisten do Uzbequistão (estimula aquaporina 3), Malva de Anjou (potencializa aquaporina 9 e a renovação celular) e Centella de Madagascar (restaura o equilíbrio da pele). Essa combinação garante hidratação profunda e previne o envelhecimento. A linha também possui BB cream e corretivo de olhos que AMO!

A maneira correta de usar os produtos e quais são os mais indicados para seu tipo de pele, apenas seu dermatologista poderá dizer, não existe fórmula mágica para todas as peles, pois cada uma tem a sua necessidade e a linha conta com diversos produtos que devem ser associados aos ácidos e remédios que o dermatologista prescreve. Minha dica para complementar os tratamentos é o Hydra Life pro-youth protective fluid, tem textura leve e hidrata sem deixar a pele oleosa.

Além disso, aprendemos também sobre os ativos e produtos de outras linhas para peles mais maduras.

Espero que tenham gostado, eu amei saber mais sobre essa história!

Beijos, Clarissa Rittes

,

Novidades do Congresso de Dermatologia em NYC


03 • 09 • 2015
por Clarissa Rittes

Olá meninas!

Na coluna de hoje vou falar um pouco sobre as novidades do último congresso americano que aconteceu mês passado em NYC.

shutterstock_79552726

(Foto: Shutterstock)

Sempre que voltamos desses congressos trazemos coisas novas em vários assuntos dermatológicos. Uma das novidades mais legais foi o lançamento de um protetor solar inovador, o Total Defense + Repair, que além de ampla proteção UVA/UVB, protege da radiação infra vermelha que nós sentimos na pele como calor. O produto também apresenta complexo antioxidante que melhora a aparência da pele. Quem tem manchas ou melasma terá um grande benefício, pois a maior dificuldade nessas doenças é manter a pele sem manchas, que só é possível com muita proteção solar.

Ainda não temos previsão de quando ele chegará ao Brasil, mas podemos comprar nos EUA em consultórios médicos, com prescrição de médicos brasileiros. Consulte seu dermatologista pra saber mais.

Entre as novidades, uma que está chegando em breve ao Brasil, é o laser de picosegundos, tecnologia que possibilitará o estímulo de colágeno como os lasers fracionados, mas com a vantagem de ser indolor. Também tem se mostrado eficaz no tratamento de pigmentos, manchas e tatuagens. Vamos aguardar!!!

Por último, não poderia deixar de saber mais sobre o famoso “lifting do vampiro”, que entrou na moda recentemente, devido a celebridades como Kim Kardashian, que popularizaram o procedimento. Consiste na aplicação de Plasma Rico em Plaquetas (PRP) na pele após o microalgulhamento ou lasers ablativos (promovem uma micro ferida na pele para que os ativos possam penetrar melhor). A aplicação de PRP ainda não está liberada pela ANVISA, mas um trabalho apresentado no congresso americano comparou a produção de colágeno, melhoras das rugas e pele em pacientes que se submeteram ao laser fracionado apenas x laser fracionado + PRP. E o resultado foi que o PRP (“peeling do vampiro”) pós laser fracionado, não mostrou melhora nem na produção de colágeno, nem na textura da pele e nem no número de rugas, quando comparado ao laser sozinho. O único benefício notado no grupo que utilizou o PRP pós laser, foi o tempo de cicatrização, que foi mais rápido. Portanto, ainda faltam muitos estudos para saber se essa tecnologia realmente trará benefícios para a pele. O que se pode dizer hoje, é que ela é eficaz para melhorar a cicatrização em peles doentes, como pacientes com úlceras.

Bom por hoje é só, em março teremos mais novidades internacionais pós congresso que será em Washington.

Beijos, Dra. Clarissa Rittes

 

,

Cuidados com a queda de cabelo


19 • 08 • 2015
por Clarissa Rittes

2971bigstock-Beautiful-woman-holding-split-44748535

Uma das maiores queixas em consultório dermatológico, é a queda de cabelo. Ela pode acontecer tanto em homens quanto em mulheres, de forma aguda ou crônica. Alguns fatores podem provocar essa queda, entre eles estão: stress, má alimentação, tração gerada pelo cabelo preso e dermatites no couro cabeludo.

Primeiramente, é importante saber que não devemos dormir com o cabelo molhado, essa umidade favorece a inflamação (dermatite seborreica). Fora isso, devemos evitar penteá-los quando molhados também, pois pode quebrar os fios. Outro grande vilão é a tração, causada ao prendê-lo com muita força (muito “puxado”) ou no uso de bonés, chapéus (que no sol, são um mal necessário) e qualquer coisa que tracione o fio desnecessariamente.

Uma alimentação balanceada, rica em vitaminas e ferro é fundamental para um cabelo saudável. Atualmente existem protetores solares de cabelo que são excelentes para proteção dos fios, principalmente os com químicas.

Alguns tipos de queda, são causados por doenças, como alopécia androgenética (calvície feminina e masculina) e eflúvio telógeno (queda de cabelo pós algum trauma emocional ou físico). Nesses casos, é preciso consultar o dermatologista para tratar e reverter os quadros.

Entre os tratamentos para calvície feminina e masculina, o meu preferido é a intradermoterapia capilar, em que injetamos pequena quantidade de vitaminas e remédios para o cabelo dentro do folículo piloso (onde o cabelo nasce), por isso, nascem mais fios e esses, mais grossos. Além dos produtos, o micro furo feito pela agulha por si só, ativa o processo de cicatrização e ajuda no crescimento.

Lembrem-se, consultem o dermatologista sempre para tratar desse assunto, ele é o profissional mais indicado para cuidar dessa parte do nosso corpo. Para quem tem dúvida, as químicas não são proibidas, desde que sejam muito bem feitas e os cabelos constantemente hidratados e protegidos. Enquanto a escova definitiva jamais deve ser associada a descoloração e os fios devem ser sempre cuidados, um intervalo de 6 meses para retoques é indicado para evitar que as químicas das escovas se somem e estraguem os fios!

Espero que gostem!

Na próxima coluna vou escrever sobre as novidades do congresso de dermatologia americano de verão (Summer Meeting AAD – American Academy Of Dermatology ❤) que está acontecendo essa semana em NYC.

Beijos meninas,

Dra. Clarissa

página 15 de 16